29/11/2010



Quando se gosta de alguém
Um segundo pode ser um dia
Um dia pode ser a eternidade
Quando se gosta de alguém
É difícil perceber o tempo

Não queria esperar tanto
Por algo tão simples
O simples que se torna complicado
O complicado que demora muito

Por motivos que não entendo
Eu espero, espero e espero
Por motivos que eu acredito
Eu sigo, tento e não desisto

Quando se gosta de alguém
Um minuto pode se tornar um dia
A esperança também aumenta
De que um dia, se torne um minuto

Lucas Ribeiro Arantes
29/11/2010

0 comentários: